História da Igreja Assembleia de Deus

0
80
assembleia-de-deus

A igreja Assembleia de Deus foi fundada em 1911, em Belém do Pará, por sueco-americanos sendo eles: Gunnar Vingren e Daniel Berg.

A princípio frequentaram a Igreja Batista, denominação a que ambos pertenciam nos Estados Unidos. Os missionários suecos traziam a doutrina do batismo no Espírito Santo, o falar em línguas espirituais , como a evidência de manifestações que já vinham ocorrendo em reuniões de oração nos Estados Unidos e também de forma isolada em outros países, principalmente naquelas que eram conduzidas por Charles Fox Parham, mas teve seu apogeu através de um de seus principais discípulos, um pastor afro-americano, chamado William Joseph Seymour, na rua Azusa, Los Angeles, em 1906.

A doutrina trouxe divergência de opiniões algumas pessoas aceitaram já outras rejeitaram, os adeptos ao manifestar do Espirito Santo foram desligados da igreja, sendo assim em 18 de junho junto com diversos outros missionários fundaram uma nova greja e adotaram o nome de Missão de Fé Apostólica, que já era empregado pelo movimento de Los Angeles, mas sem qualquer vínculo administrativo com William Joseph Seymour. A partir de então, passaram a reunir-se na casa de Celina de Albuquerque. Mais tarde, em 18 de janeiro de 1918 a nova igreja, por sugestão de Gunnar Vingren, passou a chamar-se Assembleia de Deus, em virtude da fundação das Assembleias de Deus nos Estados Unidos, em 1914, em Hot Springs, Arkansas, mas, sem qualquer ligação institucional entre ambas as igrejas.

Expandindo- se no Brasil no estado do Pará, propagou – se para o Nordeste e após ao Sudeste, iniciando no Rio de Janeiro, no bairro de São Cristóvão.

No século XXI, a Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil continua implantando projetos de desenvolvimento de sua participação mais ativa na sociedade brasileira.

Em 1980, por razões administrativas, a Assembleia de Deus brasileira passou por algumas cisões que deram origem a diversas convenções e ministérios, com administração autônoma, em várias regiões do País. O mais expressivo dos ministérios independentes é o Ministério de Madureira, cuja igreja já existia desde os idos de 1930, fundada pelo pastor Paulo Leivas Macalão e que, em 1958, serviu de base para a estruturação nacional do Ministério por ele presidido, até a sua morte, no final de 1982.

Na América do Sul, hoje existem muitas Assembleias de Deus autônomas e independentes. No Brasil, segundo o censo 2010 de todos os grupos havia 12,3 milhões de aderentes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here